Analecto

22 de novembro de 2011

Música, estudos, família.

LMMS Sharing Platform.

Achei esta música há muito tempo, quando ela ainda era a melhor na LSP. Meu Deus, quase chorei quando ouvi. Se algum de vocês tiver LMMS, ouçam isto; não se arrependerão. Esta é uma das músicas que me mantém trabalhando com música. Me inspira, não me humilha. É simples e é ótima, me deixa com a sensação de “posso tentar isto ou aquilo à minha maneira”. Normalmente o que faz isso comigo é o trabalho do David Wise, mas há exceções.

Fora isto, meu trabalho está indo bem e tenho que escrever um pouco sobre Berkeley assim que eu descobrir sobre qual livro dele eu devo escrever. O trabalho do Hume está no papo, então não preciso me afobar com isto.

Meu pai esteve por aqui nestes dias e, ao ver minha mãe conversando com um colega dela da congregação, soltou uma piada, dizendo que ela está com uns “esquemas”. Ele não teve a intenção, mas acabou me gelando de medo. Se minha mãe se casar com outra testemunha de Jeová? Já é difícil conviver com minha mãe, se eu tiver um pai da mesma religião que ela, infelizmente terei de sair de casa o quanto antes ou acabar virando ateu. Não tenho nada contra as testemunhas de Jeová, mas não quero ser forçado nos costumes deles, o que vai acontecer se eu tiver um pai seguidor daquela religião. Ir à templos? Deixar de dar patadas? Deixar de ser furry? Abandonar filosofia?

Que situação. Mas minha mãe não pode se casar se o documento de divórcio dela não chegar. É melhor eu estar preparado para o pior (para mim), assim não serei surpreendido se o pior acontecer. Minha mãe tem quase sessenta anos, então… a possibilidade é remota.

Ainda assim…

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: