Analecto

1 de janeiro de 2012

Ontem.

Filed under: Saúde e bem-estar — Tags:, , , — Yure @ 15:08

Meu pai apareceu e me ofereceu uma pequena saída de fim de ano. Obviamente resisti por razões já explicadas. Mas aí eu decidi ir. Minha mãe fez uma festa por causa disso, bateu palmas porque eu ia finalmente sair um pouco de casa. Como eu achei aquilo ridículo e porque eu não tenho senso de humor para esse tipo de piada, disse que eu não ia mais ir. Meu pai então me obrigou a ir.
Fomos para a última fronteira da quarta parede. Lá, na casa da colega do meu pai, não consegui me animar nem um pouco e fiquei calado durante todo o tempo em que eu estive lá. Acho que ofendi meu pai com isso, mas fazer o quê? Eu não queria estar lá.
Como de costume, meu final de ano foi uma porcaria exatamente porque eu não quero sair de casa, detesto o mundo lá fora, queria ficar em casa e fazer a mesma coisa que faço todos os dias, é tão difícil entender que é isso que me deixa feliz?
Como se não bastasse, meu humor acabou com o fim de ano do meu pai que só queria mesmo que eu ficasse animado e tentasse me enturmar. Mas eu não conseguia nem olhar para o pessoal de lá, fiquei ouvindo música e deitado numa rede.
Quando voltei, fiquei no computador mais um pouco, como de costume.

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: