Analecto

19 de agosto de 2019

O que aprendi lendo “A importância da partilha da informação clínica.”

Filed under: Saúde e bem-estar — Tags:, , — Yure @ 13:49

“A importância da partilha da informação clínica: o relato de caso de uma reação adversa” foi escrito por Alexandra Cadete, Lara Sutil, Carine Silva e Joana Simões. Abaixo, o que aprendi lendo esse texto.

  1. Um tratamento pode ser amplamente utilizado mesmo que não haja consenso sobre a segurança e eficácia de seu uso!
  2. Ao aplicar terapia antiemética, é preciso escolher bem qual medicamento usar, já qua a incidência de reações adversas pode chegar a 25% se o sujeito submetido à terapia for uma criança.
  3. O efeito extrapiramidal, que pode ser causado pela metoclopramida, pode ser revertido com biperideno.
  4. Não precisa haver superdosagem pra que a metoclopramida cause uma crise distônica.
  5. Se uma criança estiver vomitando e um antiemético tiver que ser usado, que seja ondansetron ou domperidona, mas não metoclopramida.
  6. Terapia antiemética é utilizada quando uma crise de vômito começa a causar desidratação.
  7. Uma crise distônica pode acontecer até dois dias após o uso de metoclopramida.
  8. Tais crises são caracterizados por posturas anormais, espasmos e movimentos de torção.
  9. Esse efeito é mais comum em crianças e idosos, mas raro em adultos mais jovens.
  10. Se esses efeitos aparecerem sem que o sujeito tenha tomado medicação antidopaminérgica, o paciente pode estar com tétano, crise conversiva ou tendo uma convulsão.
  11. Uma reação extrapiramidal pode ser revertida com anticolinérgicos ou benzodiazepinas.

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: