O que aprendi lendo “A importância da partilha da informação clínica.”

“A importância da partilha da informação clínica: o relato de caso de uma reação adversa” foi escrito por Alexandra Cadete, Lara Sutil, Carine Silva e Joana Simões. Abaixo, o que aprendi lendo esse texto.

  1. Um tratamento pode ser amplamente utilizado mesmo que não haja consenso sobre a segurança e eficácia de seu uso!
  2. Ao aplicar terapia antiemética, é preciso escolher bem qual medicamento usar, já qua a incidência de reações adversas pode chegar a 25% se o sujeito submetido à terapia for uma criança.
  3. O efeito extrapiramidal, que pode ser causado pela metoclopramida, pode ser revertido com biperideno.
  4. Não precisa haver superdosagem pra que a metoclopramida cause uma crise distônica.
  5. Se uma criança estiver vomitando e um antiemético tiver que ser usado, que seja ondansetron ou domperidona, mas não metoclopramida.
  6. Terapia antiemética é utilizada quando uma crise de vômito começa a causar desidratação.
  7. Uma crise distônica pode acontecer até dois dias após o uso de metoclopramida.
  8. Tais crises são caracterizados por posturas anormais, espasmos e movimentos de torção.
  9. Esse efeito é mais comum em crianças e idosos, mas raro em adultos mais jovens.
  10. Se esses efeitos aparecerem sem que o sujeito tenha tomado medicação antidopaminérgica, o paciente pode estar com tétano, crise conversiva ou tendo uma convulsão.
  11. Uma reação extrapiramidal pode ser revertida com anticolinérgicos ou benzodiazepinas.

Publicado por Yure

Quando eu me formei, minha turma teve que fazer um juramento coletivo. Como minha religião não me permite jurar nem prometer, eu só mexi os lábios, mas resolvi viver com os objetivos do juramento em mente de qualquer forma.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: