Analecto

3 de agosto de 2020

Estados Unidos e China: o sujo falando do mal-lavado.

Eu disse que postaria menos, não que eu pararia de postar. Estou preparando umas anotações sobre A Cidade de Deus, de Agostinho, pra colocar aqui. Desta vez, eu arranjei assunto, porém. É sobre a guerra fria entre Estados Unidos e China. Duas acusações americanas me chamam a atenção nos ataques desferidos ao povo chinês. E eles me soam altamente hipócritas. Eu achei que eu poderia falar sobre este assunto, porque ninguém mais tá falando especificamente sobre a hipocrisia americana presente nesses ataques. São eles: a China pretende espionar o mundo através da Huawei e do Tiktok e o coronavírus é um “vírus chinês”. É sobre estes dois ataques que eu quero falar.

Comecemos com o problema da espionagem. Desde o escândalo envolvendo a NSA espionando até a coitada da Dilma, durante o governo Obama, sabemos que é uma prática corriqueira nos Estados Unidos a espionagem a outros países através das linhas de Internet. Quando uma conexão é estabelecida, o tráfego não necessariamente é feito pelo caminho mais curto, mas pelo caminho mais barato. Isso faz com que boa parte do tráfego de dados passe pelos Estados Unidos. Não apenas a Dilma, mas também chefes de estado de outras nações foram vítimas da espionagem americana.

Dizer que a China é uma monstruosidade por querer espionar os outros (se é que esse é o objetivo da Huawei, por exemplo, ou da Bytedance) me soa como se os Estados Unidos quisessem ter o monopólio da espionagem global. Eu, particularmente, acho que é pior ser espionado por uma pessoa só do que por aquela pessoa e seu oponente, pois ao menos assim haverá alguma resistência. Os Estados Unidos não são uma nação santa. A China provavelmente também não. Então, supondo que a China realmente venha a espionar a gente através do 5G chinês (algo que ainda não se pode provar, embora haja provas das espionagem americana), e daí? Se não for a China, serão os Estados Unidos a nos espionar. Se isso é inevitável, por que não escolher um serviço de 5G com base em algum outro critério? Compensa usar o 5G chinês porque é mais barato. Eu não vou pagar caro pra ser espionado. Se eu vou ser espionado de qualquer jeito, que isso ao menos não me doa no bolso.

Sobre o coronavírus ser um vírus chinês, isso é altamente baixo. Foi um acidente. Cientistas afirmam que o novo coronavírus não é resultado de engenharia genética e não é uma arma biológica. Podemos falar de um descuido que aconteceu, mas não foi intencional. Mas sabe o que é intencional? A compra de todas as vacinas da Pfizer, pelos Estados Unidos, se elas saírem neste ano. Se esse fabricante produzir vacinas, elas serão todas dos Estados Unidos. O resto do mundo terá que esperar o lote seguinte ou adquirir de outro fornecedor, mesmo que esse fornecedor produza vacinas apenas mais tarde. Se o coronavírus fosse mesmo um vírus chinês pra avançar algum tipo de trama comunista, o Trump mostou estar disposto a terminar o trabalho com seu America first, privando outras nações da vacina da Pfizer caso ela saia a tempo.

Então, quando vocês virem os Estados Unidos culpando a China por tudo que há de errado no mundo, por favor, lembrem do quanto os Estados Unidos ferraram e continuam ferrando o nosso mundo, inclusive você em particular, você sabendo disso ou não. Se não existe nação santa, não é com critérios morais que temos que julgar nossos parceiros comerciais ou de tecnologia. É com pragmatismo. Relações exteriores são um negócio. Ninguém deveria negociar com ideologia.

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: